14 janeiro, 2009

A primeira noite sem a Kuka....

Em virtude da carnificina de amanhã e do facto de ter que dar entrada às 7.00 no hospital, resolvemos que o melhor, era deixar a Kuka a dormir em casa dos meus pais, uma vez que achámos cruel, ter que a acordar antes das 6.00 (que é o que nós vamos fazer!)
Então fomos lá jantar e ficámos até serem horas dela ir para a cama para sermos nós a deitá-la! Mas ela que é espertinha deve ter percebido a marosca, pois chorou ao ir para a cama (o que não é normal) e depois de nos termos vindo embora acordou a choramingar..
O que vale é que a minha mãe está tão feliz por ser avó, que está com carregos de paciência para lhe dar o miminho e explicar que os papás, vêm logo!

Para mim está a ser estranho não a ter cá em casa... o que 3 meses de maternidade fazem a uma mulher... estou sempre a olhar a ver se a vejo a atazanar o cão... e até ele está aqui encostadinho a mim, de orelha murcha!
O que vale é que amanhã já cá dorme em casa com o pai e na 6ª já volto para casa....

Mas só de pensar que amanhã não a vejo... sniffff..... :(

Sr. D. Ana Rocha... como é que deu aqui com o tasco? :D

3 comentários:

jojo disse...

que corra tudo bem e que fiques como nova é o que eu te desejo.
tambem tenho que acordar às 7 amanhã mas é para ir trabalhar, imagina.

Quanto à Kuka, se a quiseres deixar cá em casa alguma vez que seja preciso, estás à vontade. :)

sara oliveira disse...

Vai passar rápido e é por motivos de força maior!!

Beijinho

Girstie disse...

Mãe galinha!
Passa tudo rápido e até é bom para ela criar mais laços c a avó e dar trabalho ao pai :D