10 agosto, 2007

Praia poluída... rabo na água...


Estava agora a ver as notícias e sinceramente há coisas que eu não consigo compreender!
Falavam da Praia do Castelo do Queijo, no Porto e em como as águas estão poluídas e impróprias para a saúde, e no entanto, lá estava a praia cheia de gente!
Não é por serem do Porto, lembro-me de há anos quando estudei ao lado da praia de Algés (concelho de Oeiras), ver pessoal a pendurar a roupa na placa que dizia Praia Poluída e ir mandar uns mergulhos. E isto pessoas novas, velhas, crianças, grávidas, etc e tal.

O que me fez passar dos carretos foi a arrogância das pessoas entrevistadas! Tipo... uma tipa com 60 anos: Ah... eu nadei aqui... os meus filhos nadaram... os meus netos nadam! Fomos todos criados aqui e a água é toda igual!

Ora... isso fez-me lembrar do meu bisavô que morreu há 14 anos, tendo na altura 98 anos. Ele bem que me contava que quando tinha 20 anos (ora vejamos... por volta de 1905) que costumava mergulhar ali ao pé da TORRE DE BELÉM, e que na altura, HAVIAM GOLFINHOS por ali! No entanto, eu desafio-vos a tentar encontrar um golfinho ali que não seja insuflável!

Pá... que gente grunha neste mundo!

6 comentários:

Girstie disse...

O problema é que a praia de Matosinhos é a que tem transportes mais directos para lá, logo, é o que fica mais barato às pessoas. Uma pessoa ir do Porto e arredores para as praias de Gaia de transportes públicos fica bem mais caro e demora mais. E ninguém faz nada para que aquelas praias ficam próprias.

Aqui há tempos uma amiga minha que foi para lá fazer surf, contou que se esqueceu de tirar o bikini da mochila e qd tirou tipo no dia seguinte ou dois dias depois, cheirava muito mal e tinha trocado de cor. Acho que é bem exemplificativo!

Eu recuso-me a lá pôr os pés! Aquilo está infestado de coliformes fecais!! Mas a ignorância das pessoas é e será sempre muito grande. Porque nunca aconteceu nada...

Zaka disse...

Eu compreendo isso do dinheiro, mas saúde é saúde!
E que será preciso para as pessoas perceberem que se realmente persistirem a tomar banho em águas poluídas, arriscam-se a problemas de saúde, que originarão idas a médicos, perdas de tempo, custo de medicamentos, pagamento de taxas moderadores e no mínimo algum desconforto físico!

Eu sinceramente prefería ir à praia uma vez por mês e ir a uma decente, do que ir todos os dias tomar banho ao pé do esgoto municipal!

Sara Oliveira disse...

vou cá estar até domingo, pede o meu número ao Mak :) beijinho lindona!

Luigi Mario disse...

Eu ainda me lembro de subir ao Tolan que estava encalhado no Castelo do Queijo (era só a prôa) e sair pela saida da ancora...
...quando aos velhotes a dizerem que vão lá a 60 anos e os filhso e os netos... bem isso explica muitas mutações genéticas que pro ai vejo muhahaha :P

Girstie disse...

Eu também optaria por não ir para aquela praia, nem que isso implicasse levantar-me mais cedo e apanhar mais um transporte. Mas a ignorância é sempre demasiado grande.

Fiwipinha* disse...

Só um rapido hello enquanto roubo a net do vizinho... :D A minha mãe e a minha tia têm quase 45 anos e ja quando eram miudas nao tomavam banho la... Logo eu sempre cresci com o sindrome do "Praias de Matosinhos, nahhhhh". Tenho amigos que vao, e que tomam banho e realmente nunca lhes apareceu nada estranho... ainda.. Mas eu ca pergunto sempre quando eles chegam a minha beira na esplanada "entao ja tens o 3º olho mutante que tanto andas à procura? Ja estas a ficar verdinho??" Deus me livre se eu enfio la uma unhinha minha sequer... :D bEIJINHOS!!!