23 fevereiro, 2008

Hospital Santa Maria

Ontem fui a uma consulta no Hospital Santa Maria.
Demorou 6 meses, mas finalmente chegou o dia.
Como tinhamos que lá estar às 8 horas, a modos que às 6.30 lá saímos de casa para não apanharmos trânsito. Muito bem... chegámos lá às 7.20. Estacionámos o carro no parque da Cidade Universitária e siga para o hospital. Lá chegados, a modos que mostrámos ao segurança o papel que indicava a consulta que íamos ter e perguntámos onde, naquela imensidão de hospital, nos tinhamos que dirigir. Ele lá nos indicou um sítio e prontos...
Entrámos numa ala toda remodelada, cheia de LCDs nas paredes, quiosques electrónicos para tirar senhas, secretárias protegidas com grades, tudo branco, beje e azul.
Tirámos uma senha para as 1ªs consultas e esperámos pelas 8 horas. Hora a que abria o guichet.
Às 8 lá fomos chamados. Mostrámos o papelinho e o homem disse-nos que aquilo não era ali. Mas sim do outro lado oposto do hospital. Explicou como irmos e lá fomos nós.
E parecia que estávamos a regredir no tempo... se onde tinhamos estado, era um espaço medianamente actual, conforme entrámos pelas portas onde nos indicaram, vimos o hospital Santa Maria como ele realmente é... VELHO, VELHÍSSIMO! Tubos de água a passar por fora das paredes, painéis divisórios todos encavalitados uns em cima dos outros, criando recantos e recantinhos bizarros... uma sala de espera mínima onde estavam umas filas de cadeiras onde o pesoal ficava com os joelhinhos colados ao do vizinho da frente... Um guichet sem senha, o que fazia com que o pessoal ficasse na fila uns em cima dos outros e o mais bonito é o arquivo... que fica na sala de espera! Ou seja... ali à mão de semear temos as fichas das pessoas.
Mas lá que o pessoal médico que lá trabalha são considerados dos melhores, uma pessoa lá tem que aguentar o frio, e tudo o resto.

Mas não deixa de ser interessante... visto tratar-se de um dos maiores hospitais do País, vermos o estado em que se encontra!

Peço desculpa a quem pensava que o meu blog era só coisas para rir, por ter escrito este texto sério!

7 comentários:

Nostálgica disse...

Por acaso também já reparei nisso.. A parte mais antiga do Hospital está mesmo degradada, mas apesar disso acho que o serviço prestado ainda é dos melhores.

um bjnho.

Noivo disse...

desconheço mas tenho em casa quem já lá trabalhou logo, sei pelo que ouço. Só falta dizeres a seca que ainda levaste....

Zaka disse...

Saí de lá ao meio dia! Nem foi tão mau como já apanhei no São Francisco de Xavier!

Atever disse...

Olá Zaka.
Olha, eu também lá estive na quinta, mas foi só para fazer análises e como essa secção foi remodelada há cerca de ano e meio, está minimamente aceitável. Já quando se trata de consultas a coisa piora substancialmente, especialmente na sala de espera que já foi para mim uma autêntica câmara de tortura, com aqueles bancos corridos de madeira a não favorecerem uma espera de 5 horas quando o meu estado físico era do pior que já tinha conhecido até à data.
Quanto ao pessoal (médico, de enfermagem e auxiliar), encontrei ali do melhor e do pior. As condições de trabalho e a falta de liderança, com algum pessoal "menor" ainda agarrados a hábitos do passado, sem que alguém os ponha na ordem, fazem com que muita coisa funcione mal.
Depois há a questão da falta de motivação, que faz com que, na generalidade, aquelas pessoas tenham um funcionamento mecânico e encarem o trabalho como se fossem operários de uma fábrica de encher chouriços.
Mal de quem tenha a qualidade de vida dependente daquele monstro.
Bom fim-de-semana.

Maria Manuela (M&M) disse...

O velhinho HSM já precisava de ser todo remodelado..... mas como ao que parece viia ser construído o Hospital de todos os Santos nem sei se a ideia não será desactivar Santa Maria e S. José...

Espero que esteja tudo bem contigo.
bjo

Girstie disse...

Eu não vou muito a hospitais (graças a Deus) mas antes passava muito por um dos grandes hospitais do Porto e deve ser mais ou menso assim. Se por um lado alguns locais andam a ser modernizados, outros há que já precisavam de modernização há muito. E depois é claro, é ver o pessoal a ir para o privado. Mas a maioria das pessoas não se pode dar a esse luxo.

MoonWolf disse...

Eu, ao menos, já apanhei de tudo... E, apesar de até confiar na maioria dos médicos q por lá andam, acho q o melhor é não ter razões para lá ir... Mas a saúde nem sempre se escolhe... E, posso confirmar q a equipa de médicos parece ser da melhores...

A curiosidade do dia foi olhar para a cara da médica e ela não ser nada estranha... E, depois de lhe ter dito q não me parecia estranha de todo, ela ter dito o mesmo.. Mas, não conseguimos perceber se realmente nos conhecemos ou se é somente uma mera coincidência...

Ao menos fomos bem tratados... e não esperámos muito... :)