23 outubro, 2008

1ª visita a casa

Depois de termos entregue os papeis na Segurança Social, tivemos a primeira visita cá a casa para a técnica ver a integração a Kuka.
Quando ela chegou a Kuka estava a dormir a sesta, coisa que costuma fazer entre as 14 e às 16 horas. Por isso, ficámos a conversar e a contar como correram as coisas em Cabo Verde.
Às 16 e piques a Kuka acordou e ainda estivemos um bocadinho mais na conversa, mas a Kuka não estava a querer dar grandes confianças.
No fundo foi uma conversa muito agradável e nem demos pelo tempo passar. Ficaram mais prometidas...

P.S - Ando totalmente viciada no cabelo da Kuka... já arranjei um creme que permite penteá-lo melhor... já consigo fazer mas totós e divisões de cabelo... falta aprender a fazer as trancinhas!

3 comentários:

Ruyva disse...

Está tudo tranquilo e isso é muito bom!Da maneira como adoro cabelos, se eu tivesse uma Kuka, concerteza também andaria viciada! ;)
Beijinhos e que continue tudo nessa paz.

Ana disse...

rrrrssssssss
Ai meu pai o que eu sofri nas maos da minha mae por causa do nosso cabelo africano...as experiencias e tal...(ela como branca nao sabia o que lhe fazer) por isso deixo aqui o meu conselho, o ideal sao mesmo as trancinhas!

Cor do Sol disse...

Tenho uma criança mulata na sala. A mae poe-lhe um creme fantastico no cabelo. Fica tao macio e cheiroso. Estamos viciadas no cabelo do meu pequeno :)