20 agosto, 2009

Correr atrás do carteiro

Como sabem, eu tenho uns horários estranhos.
Trabalho pela madrugada dentro e quando posso durmo um bocadinho mais de manhã!
Ora bem... o carteiro aqui da zona, costuma passar por volta das 9 e piques.
Sendo eu uma pessoa que se farta de mandar vir coisas do estrangeiro, recebo muitas encomendas... e sinceramente é uma seca ter que ir com o aviso ao correio, perder imenso tempo.
Então, o carteiro a modos que quando tem algo para mim, toca que se farta à campainha lá de baixo. Mas às vezes quando chego ao intercomunicador, já o homem não me responde... então, lá corro eu até à janela para lhe perguntar se tem algo para mim... quando diz que sim.. lá vôo pela escada acima a vestir qualquer trapo mais decente e vou lá abaixo, com o cabelo todo no ar e a tirar as ramelas conforme desço os degraus... se vissem a cara com que ele me olha...

Um dia destes acho que tenho que lhe explicar que há hora a que ele se levanta, provavelmente ainda não me deitei!

2 comentários:

Galahad disse...

teres de fazer meias maratonas com obstaculos à mistura para ires resgatar uma encomenda...
não é facil!!

Beijinhos...

I'll be back :)

trigolimpofarinh@mparo disse...

beMelhor: vais a uma festa vestida e produzida para tal. Nota: a festa tem que durar noite dentro, assim é mais fácil esperar pelo dito cujo. Depois, quando ele bater à porta é só desfrutar da cara dele, tipo: “ups, desculpe, enganei-me na porta! Pensei que aqui morasse a louca da sua vizinha.” [Sorriso]