21 outubro, 2007

Momento Cultural II

E como hoje é domingo, cá vai mais um texto meu escrito aos 15 anos!

Caminho para a Felicidade

O luar, quando bate na relva, envolve tudo em sombras, que oscilam levemente, dando noções erradas da realidade.
Ouvem-se os mochos a piar, relembrando a hora tardia da noite.
Cautelosamente, furtivamente, dois jovens avançam pela relva molhada devido à humidade da noite.
Avançam como um tigre quando persegue a sua presa.
Ela é alta, com um cabelo negro, que lhe chega até às ancas, longas e bem proporcionadas encobertas por um fino, velho e coçado vestido de verão. Está descalça de mão dada com ele, sentindo-se livre como o vento perfumado pelas flores das pradarias.
Avançando à sua frente, envergando umas calças de fazenda muito coçadas, colete de fazenda muito puída e botas com as biqueiras esfoladas pelos dias de labuta. Vavança sentindo-se um prisioneiro fugindo de tudo e todos, como um leão que foge do seu caçador que lhe pretende arrancar a pele.
Sem sequer comentarem um com o outro vâm pensando no que as pessoas irão pensar quando descobrirem. Acusar-lhes-íam de actos pecaminosos, imorais e talvez nunca os perdoaríam de terem cometido tal acto. Mas, quem pode reprimir o amor?!
É nisso que pensam estes dois apaixonados, que veêm na linha do horizonte o único meio de fugirem, de não terem de enfrentar os outros.
Está a amanhecer. Os primeiros raios da luz do sol invadiu o céu, tornando-o digno de estar pintado num quadro exposto no Louvre.
O pânico invade-os. A necessidade de fugir torna-se mais forte, e eles ganham força para continuar, para irem ao encontro do seu destino...

Para que conste... nunca tive nenhum amor impossível, nem tãopouco incestuoso! :P

3 comentários:

o segredo da lua disse...

Tens a certeza que tinhas mesmo 15 anos?! lol

Zaka disse...

Yep... 15 aninhos... e na altura escrevia bem melhor do que o faço hoje!
Era assim que me safava em Português! Como tinha jeito e uma imaginação transbordante para as composições, as professoras perdoavam os erros ortográficos e as gralhas gramaticais nos testes! ;)

Girstie disse...

E já tinhas jeitinho para a escrita, sem dúvida :)