02 novembro, 2008

Sou mãe há 1 mês!

Apesar da audiência ter sido dia 1 de Outubro, conto como o dia em que me tornei mãe, o dia 2 de Outubro, uma vez que foi nesse dia que a Kuka nos foi entregue.
Foi um mês em que cresci imenso como pessoa, e parece que conheço a Kuka desde sempre!
Sou completamente doida por ela e já não imagino o meu quotidiano sem ouvir a voz dela, a repetir tudo o que dizemos e os "chamamentos da nave" quando ela começa a algarviar coisas incompreensíveis e que nos faz rir à gargalhada. Ou quando ela começa a dizer Ciau Baby... ou shut up sem que tenhamos sido nós a ensinar.
Adoro os beijinhos que ela nos dá, sem termos que pedir e os abraços onde se joga totalmente nos nossos braços. Nunca, nunca pensei que a integração fosse ser tão fácil e rápida. E a sério, considero-me das mais abençoadas das mulheres!

E este é só o 1º mês de muitos que se irão seguir. Estou verdadeiramente feliz no papel de mãe!

9 comentários:

kuto disse...

Então os meus parabéns. Espero que para o mês que vem, digas: "Sou mãe há dois meses!" e depois te lembres de mim :crazy:
Abençoada maternidade! :roll:

jojo disse...

ui, primeiro choras a ver bonecos e agora já usas a palavra "abençoada"!!
What's next?

Sara Oliveira disse...

É bom ir acompanhando a fase maravilhosa que tás a ter.
Mãe de sangue ou de afecto, é sempre uma benção!

Tudo, mas mesmo tudo, de bom para vocês :)

Beijinhos

Olinda Dinis disse...

1 mes passou tão rapido, quando deres por ela já é uma teen a querer sair com os amigos ;)
Beijinho

Elsa disse...

:D

Ainda bem que está tudo a correr a 1000 %, vocês merecem... os três! ;)

Beijos enormes

Ana disse...

Entao parabens!!! Ser mae e algo maravilhoso!!

Mara disse...

Que bom!!!! Na verdade a mim também me parece que as integrações são mais fáceis do que eu julgava.

Bj

MoonWolf disse...

Teen???
He lá... q tenho q ir buscar a caçadeira mais depressa do q esperava....

LOL...

Beijocas e, Jo, deixa lá a abençoada...

:)

Girstie disse...

Merecias ter uma filha assim tão maravilhosa depois de tanta luta e espera.
É mesmo muito bom acompanhar essa boa integração da Kuka e de ti como mãe.

Que a felicidade continue sempre!